Queridíssimos leitores do Destinos e Receitas… é com um GIGANTE prazer que deixo aqui pra vocês um post de um amigo que fala de Paris como ninguém, o Joenilson. Ele preparou esse passeio super prático especialmente para vocês. O Marais é um dos bairros mais gostosos e descolados da cidade Luz. Vou dispensar o meu blá blá blá e deixar ele ir direto ao assunto.

Salut! Bonjour!

Olá, que tal hoje vivermos uma experiência diferente em Paris? Convidamos vocês para experimentar o “Savoir Faire” dos parisienses, vamos passar um dia como eles, ver e sentir o cotidiano de um verdadeiro parisiense.

Começaremos nosso tour pelo Marais, o quartier mais descolado da cidade. Conhecido como o bairro dos judeus e dos gays, o local é repleto de bares, boites, lojas para todos os gostos e bolsos, mas vamos deixar um pouco de lado nossa ânsia pelas compras e vamos focar no que os franceses realmente adoram, que é: Flanar, visitar museus, beber um bom vinho e comer… comer muito bem.

Partiremos da Île Saint-Louis, onde cruzaremos a Pont Louis Philippe (endereço/mapa aqui), continuando na rua de mesmo nome, faremos nossa primeira parada em um dos mais renomados cafés do marais, o Café Les Philosophes, na Rue Vieille du Temple, uma das mais movimentadas ruas do quartier. Aqui você poderá simplesmente pedir “un bouteille du vin avec le fromages”  aprés, continuará o tour indo até a Rue de Rosiers (a mais badalada, onde tem o mais famoso Falafel de Paris, no L’As du Fallafel), só flanar por essa rua já é um grande barato. Após sair da Rue de Rosiers, vá até a Rue des Francs Bourgeois e em seguida entre na Rue de Sévigné, voilá o Museu Carnavalet – Esse belíssimo museu dedica-se a preservação da história de Paris, desde suas origens até os dias atuais. Uma visita imperdível na Ville Lumière.

Les Philosophes

(foto de Les Philosophes)

 

Museu Carnavalet

Museu Carnavalet

Após a saída do Museu Carnavalet, volta a Rue des Francs Bourgeois e vá até a Place des Vosges (a praça mais antiga de Paris), lá sob suas arcadas poderá visitar a Maison de Victor Hugo, no 6, Place des Vosges, onde poderão conhecer o universo e como era o cotidiano desse gênio da literatura francesa, mas antes de conhecer a Maison, sugiro uma parada para um belo Déjeuner, onde? Sugerimos dois ótimos endereços, ambos nas arcadas que circundam a Place des Vosges, o primeiro chama-se Carette, um excelente restaurante que conta com uma verdadeira Cuisine Française e um menu a preços justíssimos. Já a segunda opção, trata-se de um 3 étoile no guide Michelin, um dos melhores restaurantes de Paris, o L´ambrosie, mas vale cada euro gasto. Ou simplesmente vá até ao 109, Rue Vieille du Temple e coma o melhor crepe de toda cidade no Breizh Café, peça seu crepe acompanhado de uma deliciosa cidra, isso mesmo, para harmonizar uma cidra bastante gelada.

Place des Vosges

Place des Vosges

Maison Victor Hugo

Maison Victor Hugo

 

L'Ambroisie Paris

(foto de L’Ambroisie)

L'Ambroisie Paris

(foto de L’Ambroisie)

breizh cafe paris

(Foto de Breizh Café)

Após o déjeuner, voltamos a andança, agora é hora de conhecermos o haut marais. Ao lado da Place des Vosges está a Rue de Turenne, siga por essa rua até o número 133, onde chegará em uma das melhores pâtisserie da cidade, Jacques Genin, aqui se deleite com seus macarons, caramelos, tarte tatin e muito mais, além de poder tomar o chá das 5 no melhor estilo francês.

Cai a noite na cidade luz, sobretudo no Marais, então hora do Dîner? Oui! Que tal jantar em um pequeno bistrô com um lindo jardim (terraço) ou talvez em sua cave?  Sim! Então o lugar é o JáJá, 3, Rue Sainte-Croix de la Bretonnerie, você aqui terá um menu contemporâneo, mas sempre com sabores da cuisine française, além deles fazerem uma cozinha com produtos frescos e da estação.

Jaja

(foto de Jaja)

Agora é voltar para o hotel e dormir o sonho dos justos, afinal amanhã terá mais Paris, n´est-ce pas?   

Joenilson

**************

Gostaram gente? Quem já conhece Paris sentiu-se por lá novamente? Foi essa a sensação que eu tive! Quero voltar já pra fazer exatamente este passeio!!!!!!!!!!!! Aqui vão as informações práticas sobre cada local. Novamente: use e abuse dos links inseridos durante o post, eles te colocarão no mapa:

 Les Philosophes
28 rue Vieille du Temple, Paris – Metrô: Hôtel de Ville ; Saint-Paul ; Pont Marie
Aberto todos os dias, Ouvert tous les jours de 9h à 00h.
 
L’As du Fallafel
34, rue des Rosiers, Paris
Aberto todos os dias (exceto sábado), de 11h à meia-noite.
 
Museu Carnavalet
16, rue des Francs-Bourgeois, Paris. Metrô: Saint-Paul, or Chemin Vert 
Aberto todos os dias das 10h às 18h, exceto segunda-feira e feriados.
Entrada Gratuita
 
Maison Victor Hugo
Aberto todos os dias, das 10h às 18h, exceto segunda-feira e feriado, última admissão às  17h40  
Audio guides em 5 línguas (Francês, Inglês, Alemão, Espanhol, Italiano, Japonês): €5 
Entrada Gratuita
 
Carette
25 Place des Vosges, 75003 Paris. Metrô: Chemin Vert ou Saint-Paul
Aberto todos os dias das 8h às 23h30
 
L’Ambroise
9 place des Vosges, Paris. Metrô: Saint-Paul
Fechado aos domingos e segundas-feiras.
 
Breizh Café
109, rue Vieille du Temple, Paris
Aberto de Quarta à Domingo das 11h30 às 23h. Fechado durante 3 semanas em Agosto.
 
Jacques Genin
133, rue de Turenne, Paris
Aberto de terça a domingo das 11h às 19h e até às 20h aos sábados.
 
Jaja
Horários:
Segunda à Sexta-Feira: 12h – 14h30 pm / 20h – 23h. Sáb. e Dom.: 12h – 15h / 20h – 22h30
MENU – Primavera de 2014 – Almoço de Segunda à Sexta.
Entrada e Prato Principal ou Prato Principal e Sobremesa – 17 €
Entrada, Prato Principal e Sobremesa – 21 €